Construtora e Incorporadora em Praia Grande - Construtora JR & Garcia A sua construtora em Praia Grande

Apartamento pronto ou na planta?

Comprar um apartamento pronto ou na planta?

E agora, compro um imóvel na planta ou pronto para morar? Essa é a pergunta numero um que todas as pessoas que iniciam a busca pelo primeiro imóvel fazem. Não há uma resposta exata para essa questão, cada um traz as suas vantagens e desvantagens, depende de qual o seu objetivo, quais as suas necessidades, o prazo que você tem disponível e principalmente quanto que você está disposto a investir. Fique tranquilo, separamos algumas dicas que farão essa decisão ficar mais fácil para você.

Documentação

      • Na planta: O imóvel na planta tende a ser menos burocrático do que o imóvel pronto, visto que não existem vícios e nem custos extras no mesmo pois ele ainda “não existe”. Porém neste caso, estamos tratando de um outro tipo de risco, pois não há como garantir, efetivamente, que aquele imóvel vai ficar pronto. Por isso é muito importante CHECAR A IDONEIDADE DA CONSTRUTORA, ver a quanto tempo está no mercado, quantos empreendimentos já entregou, o histórico da mesma; para ter uma garantia ainda maior e exija todas as documentações referentes ao imóvel que você está adquirindo como o: registro de incorporação do empreendimento(RI), projeto aprovado na prefeitura e certidões negativas de débito. Vale lembrar, por exemplo, o caso da Encol, uma grande Construtora Goiana, que decretou falência em 1999 prejudicando mais de 40 mil clientes. Portanto na hora de adquirir um imóvel na planta, atente-se quanto a situação da construtora, todas as documentação que atestem a condição financeira da mesma, se há notícias recentes sobre problemas com a construtora, verificar reclamações no Procon,  reclame aqui entre outros.
      • Imóvel pronto: Há mais burocracia envolvida, principalmente pelo fato de que o imóvel já existe, o que quer dizer que podem existir muitos vícios escondidos dentro do mesmo. Por isso antes de realizar o negócio sempre chame um advogado, pois é necessário que sejam analisados alguns documentos principais como: a matrícula do imóvel, certidão de débitos condominiais, certidão de débitos de IPTU, certidões de protestos do imóvel e de onde o vendedor reside, além dos documentos pessoais dos vendedores. Quanto maior a variedade de documentação solicitada, mais garantia você acaba tendo sobre aquele negócio. Acreditamos também que a principal vantagem do imóvel pronto é a realização imediata do investimento, sem a necessidade de esperar alguns anos para o término da construção.

Investimento inicial

Geralmente, para o imóvel na planta você tem uma flexibilidade maior quanto ao pagamento, com uma entrada menor do que para um imóvel pronto, com a possibilidade de incluir parcelas semestrais ou anuais que podem fazer o valor da parcela mensal diminuir, além da vantagem de ter apenas correção de poupança no período da obra. Enfim, você tem uma condição de pagamento mais facilitada do que para um imóvel pronto, que vai te pedir geralmente de 30 a 40% de valor do bem no ato. Ou seja, para você comprar um imóvel pronto, é preciso ter um valor de entrada disponível maior.

Instalações

A dica dos especialistas é sempre solicitar à construtora um memorial descritivo (é um documento que descreve todos os tipos e qualidades dos materiais que vão ser utilizados na obra) para ter certeza de tudo o que está  sendo contratado é o que vai ser realmente entregue, evitando assim decepções ao ver a obra acabada.

Mudança

Para aqueles que não têm a necessidade de mudar rapidamente, o imóvel na planta costuma ser uma opção financeira mais viável. Essa modalidade permite uma flexibilização maior do plano de pagamento como: facilidade da entrada, parcelas mensais mais baixas além da possibilidade de intermediárias. Em geral, o consumidor paga 20% da entrada + 36 parcelas mensais + 40% finais no pós obra, além da parcela da chaves, que é quando o cliente recebe a posse do imóvel e pode fazer sua mudança! Já para adquirir um imóvel pronto, o consumidor precisa ter essa entrada “no bolso”, ou seja, pelo menos de 30% a 40% para o ato e ainda garantir o pagamentos dos outros 70% a 80%, seja por meio de financiamento direto ou bancário. Porém neste caso o cliente ainda precisa contabilizar no seu planejamento financeiro os custos fixos já existentes no empreendimento pronto como: condomínio, IPTU e taxas extras que podem estar ocorrendo no condomínio.

 

Venha morar em Praia Grande.
Consulte nossos corretores e faça uma simulação.‼️
🕒 Chat online http://bit.ly/ChatJReGarcia
📱 WhatsApp: (13) 98205-4445 https://goo.gl/YMmJBz
📞 Plantão de Vendas: (13) 3356-5220
📧 e-mail: vendas@construtorajrgarcia.institucional.ws

Condições especiais, Financiamento Bancário ou Direto com a Construtora, venha conferir!

COMPARTILHE

Dúvidas ou sugestões entre em contato pelo formulário abaixo: